...

O Quanto é longe esse perto que se tem vontade...

Comentários

O Profeta disse…
O silêncio da solidão mora em meus olhos
Revela-se na tristeza, retém a palavra amarga
Tem a nudez de um aguaceiro de Maio
Uma garganta presa em grades que a voz embarga

Hoje a Ilha acordou presa ao silêncio
Os pássaros voaram no chão de barro frio
Esqueceram-se de subir ao azul
Lavaram as penas nas águas de um rio


Convido-te a descansar a alma nas minhas pedras de Ouro

Boa semana


Mágico beijo
Felipe disse…
Passando por isso...

Beijocas
Olavo disse…
Muito longe...o pior que muito longe..
Beijão
Chica disse…
Profundo! E há horas que é bem assim mesmo! um beijo,chica
ellen disse…
É mesmo Christi...
Quantas vezes e anseia por algo que nunca mais chega mesmo estando perto...

Beijinho

Postagens mais visitadas deste blog

Domínio..

Trilhos e pés descalços..

Pétalas de vida..