Entre dois mundos...

Coração endossado de uma dor
Que eu não queria possuir
Dor de quem tem chaves
Dor de quem não tem trancas
Dor de quem sustenta
Dor de quem não consegue segurar
O universo de uma vida
Entre dois mundos
Sua alma disputada em meio à uma guerra
No meio dela, me vejo imune
Me vejo forte e fraca
Me vejo soldada e vencida
Nesse mundo do meio
Um corpo derrapa e ao mesmo tempo voa
A alma está fora do corpo
Sua dor é maior que tudo
Minha dor aderiu á sua...
Chaves que abrem portas
Como queria ter o poder de ter...!!!
Abro cadeados de confissões
Mas não a ponto
De poder escancarar a porta
E dizer com toda vivacidade
De uma pessoa que guerreou
E venceu...
E dizer
Saia por essa porta Lázaro!!!!
Saia, fique de pé !!!
E ande, E viva
Como dói....
C.O.M.O
D.Ó.I....
Nem tentem chegar perto da dor
De quem tem alguém que ama
Entre esses dois mundos
E vc está no meio
Na névoa, e não pode
Contra o livre arbítrio do outro....
C.O.M.O
D.Ó.I
!!!!!!!!!!!!

.

Christi

Comentários

JANA E RENATO disse…
Fomos indicados pelo Olavo, do http://tracosdeumhomem.blogspot.com/ para ganhar um selo de melhor blog de casais e isso nos deixou extremamente felizes.

Independente da votação , o blog do Olavo é sensacional e vale a pena ser visitado,tanto que está linkado aqui no nosso.

Óbvio que vamos pedir: dá uma passadinha lá e votem em nós!rs

Beijos e um lindo fim de semana!
ellen disse…
Tem selo para si, no meu blog "oS meUs MimiNhoS" :)
Bjinho

Postagens mais visitadas deste blog

Domínio..

Trilhos e pés descalços..

Pétalas de vida..